sexta-feira, Outubro 10, 2008

Parabéns aos meus bébés!!!

Hoje os meus meninos mais pequeninos fazem anos!!! E eu ja lhes dei os parabéns, ja peguei neles, ja vi o mais velhinho a dar os primeiros passinhos! Tão lindo! =')
Foi mesmo lindo!!!

Muitos parabéns bébés dos meus olhos!

Amo-vos! =)*



sábado, Agosto 16, 2008

O meu muito obrigado

Mudar, crescer, perdem-se vontades, ganham-se outras, incentivos para lutar, perda de forças, tudo contribui para um “mau estar” interior…

Amores impossíveis, desamores, lutas incessantes, paixões, construção de relações, perdas, vitórias, paixões que crescem e morrem, e uma quantidade de sentimentos que confundem (felicidade, amor, dor, ódio…) e nos levam a uma indecisão quando impossível de decidir…

Pressões, discussões, argumentos, persuasão, tudo o que nos desmotiva a tomar qualquer atitude…

Tudo se vira contra nós quando não nos conhecem!

 

Felizmente há sempre gente que nos ama e não permite que soframos! =)

Gosto de ser feliz, obrigada a todos por me aturarem, por me ajudarem, por estarem presentes na minha vida, mas essencialmente por me amarem como sou e nunca me deixarem ficar para trás!

=)*


segunda-feira, Junho 23, 2008

Muda-se de ares, muda-se de vida…


Desde que vim para a Guarda a minha vida tem dado muitas voltas! Tenho encontrado gente que quer bem, gente que quer mal… Tenho encontrado gente! Já me desiludi, já me surpreendi, já vivi muito!

Isto tudo para dizer que a minha vida tem estado um caos, apesar de não parecer. Vamos por partes…

Em primeiro vim para cá e pior que tudo, sinto-me sozinha! Tenho amigas e amigos bons e que gostam muito de mim e eu deles e portanto não é por falta de amigos, mas é por falta de amor. Vim para cá a pensar que talvez fosse aqui que iria encontrar aquilo a que chamo de “a minha vida”. No entanto anda cá dentro da minha cabeça um bichinho que me diz que tenho que esperar… E cá estou eu, sozinha, como sempre! Aprendi que mais vale só que mal acompanhada, mas tanto tempo sem amor? Eu sou dependente disso… Preciso. Bom, mas como já desisti de procurar vou é deixar-me ficar cá no meu lugar.

Em segundo lugar as minhas desilusões… É tão triste pensar que podemos confiar nas pessoas e depois surpreenderem-nos assim??? =( Não se trata de ninguém assim muito importante, mas o facto é que magoa… Ela é malina. Muito mesmo. Pior é ela saber que tem que crescer mas não quer, não faz nada e depois magoa as pessoas que se preocupam com ela… Não há nada a fazer!

Em terceiro lugar é a raiva que me dá quando vejo uma, vá duas pessoas! Custa-me muito! Tenho que admitir. Ainda não ultrapassei completamente o que se passou entre mim e um rapaz! Fico tão feliz por ele estar bem, mas custa-me que ele esteja a piorar em termos de personalidade… Está a perder muito! Ele que era boa pessoa, gostava muito da personalidade dele, mas está a perder o bonito que tinha! =( Fico triste…

Em quarto lugar é o que eu quero e estou a desistir. O que se passa comigo? Deixei de ter forças? Antes lutava por tudo, com toda a força, com toda a convicção, hoje, à primeira dificuldade paro, vejo o tempo passar a minha frente e não faço nada, não sei como fazer… Não sei o que se passa. Apetece-me lutar, mas está a tornar-se extremamente complexo! Estes medos, estas duvidas que me assolam quando eu começo a ganhar forças estragam tudo o que tem bases, tudo o que se pode construir. Só nos fazem desistir dos sonhos, do que amamos. Como é triste quando uma pessoa desiste… E o que chateia mais é saber qual é a solução e não poder fazer nada! Mas talvez esses medos e dúvidas me façam pela primeira vez, bem. Vou desistir de procurar, de tentar encontrar, de tentar amar… É simples, melhor, para não sofrer! Custará menos!

E por ultimo… mudei! Eu mudei! Cresci? Nem consigo ver… Mas eu mudei. Obvio que continuo sem beber e sem fumar. =) Fico contente por isso! Foi uma mudança de vida radical. Ainda hoje, passados 8meses não consigo suportar o facto de viver longe da minha vida, longe da minha cidade, longe da minha família, longe de tudo! Sinto-me sozinha, não tenho vontade para nada e não consigo dizer aos meus pais isso. Não os quero magoar, e só serão apenas mais 2anos. Hei-de aguentar! Depois volto para perto deles, para perto de tudo. Tenho que sobreviver, tenho que arranjar forças para conseguir lutar, tenho que arranjar motivação em algum lado… Agora as férias estão quase aí. Já vou ter com eles, vou-me distrair, tirar a carta (espero eu), ir à praia, divertir-me!

 

Grandes mudanças provocam grandes sofrimentos, grandes guerras, grandes lutas! Grandes mudanças exigem grandes conquistas!!!



sexta-feira, Maio 02, 2008

"Elogio ao Amor"

"Há coisas que não são para se perceberem. Esta é uma delas. Tenho uma coisa para dizer e não sei como hei-de dizê-la. Muito do que se segue pode ser, por isso, incompreensível. A culpa é minha. O que for incompreensível não é mesmo para se perceber. Não é por falta de clareza. Serei muito claro.

Eu próprio percebo pouco do que tenho para dizer. Mas tenho de dizê-lo. O que quero é fazer o elogio do amor puro. 
Parece-me que já ninguém se apaixona de verdade. Já ninguém quer viver um amor impossível. Já ninguém aceita amar sem uma razão. Hoje as pessoas apaixonam-se por uma questão de prática. Porque dá jeito. Porque são colegas e estão ali mesmo ao lado. Porque se dão bem e não se chateiam muito. Porque faz sentido. Porque é mais barato, por causa da casa. Por causa da cama. Por causa das cuecas e das calças e das contas da lavandaria.

Hoje em dia as pessoas fazem contratos pré-nupciais, discutem tudo de antemão, fazem planos e à mínima merdinha entram logo em "diálogo". O amor passou a ser passível de ser combinado. Os amantes tornaram-se sócios. Reúnem-se, discutem problemas, tomam decisões. O amor transformou-se numa variante psico-sócio-bio-ecológica de camaradagem. A paixão, que devia ser desmedida, é na medida do possível. O amor tornou-se uma questão prática. O resultado é que as pessoas, em vez de se apaixonarem de verdade, ficam "praticamente" apaixonadas.

Eu quero fazer o elogio do amor puro, do amor cego, do amor estúpido, do amor doente, do único amor verdadeiro que há, estou farto de conversas, farto de compreensões, farto de conveniências de serviço. 
Nunca vi namorados tão embrutecidos, tão cobardes e tão comodistas como os de hoje. Incapazes de um gesto largo, de correr um risco, de um rasgo de ousadia, são uma raça de telefoneiros e capangas de cantina, malta do "tá bem, tudo bem", tomadores de bicas, alcançadores de compromissos, bananóides,borra-botas, matadores do romance, romanticidas.

Já ninguém se apaixona? Já ninguém aceita a paixão pura, a saudade sem fim, a tristeza, o desequilíbrio, o medo, o custo, o amor, a doença que é como um cancro a comer-nos o coração e que nos canta no peito ao mesmo tempo? O amor é uma coisa, a vida é outra. O amor não é para ser uma ajudinha. Não é para ser o alívio, o repouso, o intervalo, a pancadinha nas costas, a pausa que refresca, o pronto-socorro da tortuosa estrada da vida, o nosso
"dá lá um jeitinho sentimental".

Odeio esta mania contemporânea por sopas e descanso. Odeio os novos casalinhos. Para onde quer que se olhe, já não se vê romance, gritaria, maluquice,facada, abraços, flores. O amor fechou a loja. Foi trespassada ao pessoal da pantufa e da serenidade. Amor é amor. É essa beleza. É esse perigo. O nosso amor não é para nos compreender, não é para nos ajudar, não é para nos fazer felizes. Tanto pode como não pode. Tanto faz. É uma questão de azar. O nosso amor não é para nos amar, para nos levar de repente ao céu, a tempo
ainda de apanhar um bocadinho de inferno aberto.


O amor é uma coisa, a vida é outra. A vida às vezes mata o amor. A "vidinha" é uma convivência assassina. O amor puro não é um meio, não é um fim, não é um princípio, não é um destino. O amor puro é uma condição. Tem tanto a ver com a vida de cada um como o clima. O amor não se percebe.


Não é para perceber. O amor é um estado de quem se sente. O amor é a nossa alma. É a nossa alma a desatar. A desatar a correr atrás do que não sabe, não apanha, não larga, não compreende. O amor é uma verdade. É por isso que a ilusão é necessária. A ilusão é bonita, não faz mal. Que se invente e minta e sonhe o que quiser.

O amor é uma coisa, a vida é outra. A realidade pode matar, o amor é mais bonito que a vida. A vida que se lixe. Num momento, num olhar, o coração apanha-se para sempre. Ama-se alguém. Por muito longe, por muito difícil, por muito desesperadamente. O coração guarda o que se nos escapa das mãos. E durante o dia e durante a vida, quando não esta lá quem se ama, não é ela que nos acompanha - é o nosso amor, o amor que se lhe tem.


Não é para perceber. É sinal de amor puro não se perceber, amar e não se ter, querer e não guardar a esperança, doer sem ficar magoado, viver sozinho, triste, mas mais acompanhado de quem vive feliz. Não se pode ceder.

Não se pode resistir. A vida é uma coisa, o amor é outra. A vida dura a Vida inteira, o amor não. Só um minuto de amor pode durar a vida inteira. E valê-la também."


Miguel Esteves Cardoso 
in expresso

Encontrei estas palavras num blog perdido pela blogosfera. É uma realidade bem real à qual não conseguimos escapar, apesar de tentarmos. Felizmente ainda há quem acredite, quem sinta, quem viva esse AMOR! 





quinta-feira, Maio 01, 2008

Quero dar-me...

Um dia acordei e percebi que estava vazia…

Tu já la não estavas… Isso era certo! Mas havia qualquer coisa que me fazia sentir sozinha, vazia… Percebi então, que tenho saudades tuas, que preciso de ti, do teu amor! Preciso-te! E tu dizes que tenho que lutar… Com que força? Onde a vou buscar? Nem sei se esse Amor ainda existe entre nós… Para mim existe, se sinto saudades, a tua falta, se preciso de ti… Acreditas em mim?

Um dia acordei e percebi que precisava de ti…

Tu disseste que não sabias… E eu? E nós? Corro ao fim do mundo para te ter outra vez… Corro ao infinito para te abraçar, para te beijar, para seres meu como nunca foste! Corro ao fundo do Universo para me dares esse amor… Só me apetece chorar… Chorar ate nunca mais! A mãe diz que nunca me viu chorar por ninguém, excepto uma pessoa que foi importante para mim e tu sabes quem é… E agora estou a chorar outra vez… Tu não tens noção do quão importante és para mim! Não tens mesmo!!! Estou sem saber o que fazer… Estou triste, desiludida, chateada…

Um dia acordei e percebi que te podia ter…

Mas como? Como o posso fazer? É possível, sim… E força? Eu costumo arranjar, mas ultimamente sou uma fraca como podes ver! Não te posso dizer que te amo, porque tu estas longe, porque tu podia magoar, porque te podia confundir… Mas e se eu quiser dizer-to? Mas e se eu não conseguir guardar?

Um dia acordei e percebi que queria dar-me…

Sonhei contigo! Que te tinha outra vez… Que éramos felizes! Lembras-te de tudo o que te disse? É tudo verdade… E agora mais que nunca quero dar-me a ti, como nunca! Quero dar-te o Amor que guardei de ti, quero mostrar-te a vida que guardei de ti, quero dar-te a felicidade que te escondi! Quero dar-me a ti… Deixas? Sei que lutar é pelos dois… Multiplicar as forças é o que faço melhor, arranjar é que nem por isso… Já te disse o que preciso… É contigo agora! E lembrando os velhos tempos: AMORO-TE!

Faz-me Acreditar no Amor - Anjos



segunda-feira, Abril 14, 2008

VOLTEI!!!! =)

Não consegui resistir e tive que voltar para o BLOG! 

Começo, com um texto bonito, retirado do "Diálogo", que é uma especie de jornal de 4páginas, semanal da Igreja que costumo frequentar:

"Deixa para lá a tristeza

Num jeito bem descontraído e próximo, esta frase poderia ter sido pronunciada por Jesus àqueles que caminhavam com Ele.

Corremos o risco, tantas vezes, de dar uma imagem triste, pesarosa dos cristãos no modo como nos vamos manifestando uns aos outros. A resposta à pergunta de como estamos, vai quase sempre, para a costumada resposta do "mais ou menos". Carregamos demais nas dificuldades, nas tristezas e nas angústias que nos vão assolando no dia-a-dia; vivemos muito virados para o passado e para os aspectos negativos que nos rodeiam, a esperança é posta de lado e a alegria é algo que anda tão distante que, nas expressões que ouvimos frequentemente, parece impossível de existir.

Pois, já é tempo de deixar a tristeza para trás porque fomos salvos pelo Senhor ressuscitado que nos acompanha no caminho, nos incentiva a anunciá-l'O, mais não seja, com a nossa alegria entusiasta de cristãos que deve brilhar espontaneamente para nós para nos abrir os olhos e O reconhecermos ao nosso lado em tantas e tantas situações.

Para isso, Ele ficou connosco como Palavra que anima os desolados e desencorajados e no partir do pão que nos chama a ser mais solidários e atentos aos outros para vivermos o amor verdadeiro."

Deixo-vos uma musica que gostei muito! =D

terça-feira, Março 25, 2008

Ajudar a Sofia!

A Sofia é uma pessoa como qualquer outra, mas que teve uma infelicidade quando era mais nova. Toda a historia sobre a Sofia pode ser lida no blog criado por um grupo que decidiu colocar mãos á obra para poder ajuda-la. Isto porque a Sofia necessita de operações para se sentir melhor na sociedade e com ela propria. Apesar da sua maneira de viver, ou seja, apesar da Sofia ser olhada de modo diferente por muitas pessoas ela sorri sempre e segue de cabeça erguida.
As fotografias da Sofia estão no blog criado para a ajudar - Vamos ajudar a Sofia - onde poderão ler algo mais sobre a criação deste blog.

Peço-vos que passem por lá deixem uma palavra pois a Sofia adorará saber que as pessoas mesmo que nao conheçam lhe dão uma palavra amiga !





Beijinho***

domingo, Março 23, 2008

Paragem por dias...

Ola!!!

Venho avisar que durante uns tempos vou deixar de escrever por motivos pessoais!!

Um dia explico porquê, mas por enquanto peço desculpa por o fazer!

Deixo-vos o mail para podermos conversar!

Um beijinho e ate um dia...

***


quarta-feira, Março 12, 2008

O Papá faz anos hoje!! =)

Este bocadinho é dedicado a uma das pessoas que mais amo e admiro na minha vida, o meu PAI!

Hoje completa os 49 aninhos! Como digo esta a ficar cada vez mais jovem!! =)

Já passou por muitas coisas na vida dele, já teve 3meses internado no hospital por causa do coração e de um problema nos rins! Já vivi esse tempo sem ele… Mas AMO-O acima de tudo! Admiro-o muito por ele conseguir distinguir boas pessoas de más pessoas á primeira vista! Nunca se enganou, ate hoje! E a minha maninha diz a mesma coisa dele… Já lá vão pelo menos 25 aninhos que ele não se engana. E por ter casado com a minha mamã é porque consegue mesmo distinguir, porque ela é um excelente pessoa também! Lutou por ela e conseguiu!

Então hoje que é o teu dia, desejo-te um FELIZ ANIVERSÁRIO! Custa-me muito não estar neste dia cada vez mais especial da tua vida! É a primeira vez e fazia de tudo para poder estar aí para te dar um beijinho muito grande e desejar Um dia cheio de alegria pessoalmente como todos os outros anos!! Perdoa-me por isso…

PARABÉNS!*

AMO-TE MUITO PAI!



quarta-feira, Fevereiro 27, 2008

Vais-te embora? =(

Ontem recebi uma notícia maravilhosa! Um amigo que estava feliz! Conseguiu com a minha ajuda e insistência fazer o que já andava a tentar à muito tempo e que nunca conseguiu! Finalmente parece que foi capaz! Andei uma noite inteira a “ralhar” com ele! Mesmo que não tenha dependido de mim essa decisão, estou feliz, porque ele está feliz! A sério… Acho que começo a ter 100% a certeza que a minha felicidade depende da dos que me rodeiam!!
Um dia… (no dia em que ralhei com ele) falamos muito! E então eu fui ao hi5 dele e escrevi isto:

“Era uma vez...
... Um rapaz com cabelo grande e despenteado...
...Um dia tava no encerramento do CF1050 e ficou pior puke tava la uma munina ma que despenteou mais...
...entaum o rapaz ficou com o cabelo mais despenteado...
...depois decidiu corta-lo...
...entaum a munina ficou "coiso" puke naum podia despentear mais o cabelo grande e despenteado do rapaz de cabelo grande e despenteado.
eheheh
Linda história naum é??? xD =P

Bjinho gande***********************”

Pois… foi assim que nos conhecemos! No encerramento do Convívio Fraterno ele ficou por acaso atrás de mim e começou a despentear-me… (engraçado… Estava eu já a começar a irritar-me quando decidi ir na brincadeira... =P) Então eu deixei-me ir na brincadeira e também o despenteava!!! (que má que ela é… =P) Nesse dia, despedimo-nos e foi cada um para a sua vida! Mais tarde, eu fui ao MSN e estava muita gente a conversar e já nem me lembro sobre o que era e eu e ele a conversarmos noutra janela! Ela a meter-se comigo a chamar-me despenteada e eu a chamar o mesmo a ele!!! Foi engraçado!
Ate que eu um dia precisei de conversar e ele estava la no MSN nessa altura… Ajudou-me muuuuuuuuunto!!! A partir daí este AMIGO ficou guardado “aqui” dentro e nunca mais de cá saiu.
Ele disse que me ia agradecer de qualquer coisa que eu fiz… (desculpa, já não me lembro…)
Então escreveu-me isto:

Título: Life is in the most of times Rainbows and butterflies”

“Os dias são como o Sol, vão e vêm, as noites como a Lua, iluminadas e preenchidas pela Luz das ruas, das estradas, dos carros, mas mais que isso, iluminadas por sorrisos, sorrisos fraternos, abraços solidários em noites mais frias.
Durante a vida vamos tendo pessoas, que vão e vêm, pessoas que vemos um dia e não vemos mais, pessoas que vamos vendo com alguma regularidade, pessoas que marcam, quer pela positiva, quer pela negativa, mas existe um tipo de pessoas, que nos marcam, mas mais que isso, pessoas que nós permitimos gravarem nos nossos corações os seus nomes, pessoas que nos dão a mão e caminham connosco, sem nunca nos abandonarem, pessoas que riem connosco, que choram connosco, que partilham a vida connosco.
A esses apelidamos carinhosamente de Amigos, Amigos verdadeiros, Amigos do Coração, é a Eles que deve-mos grande parte dos nossos bons e maus momentos.
E antes que o tempo se esgote, e antes que as palavras faltem, digo-to frontalmente, sem meias palavras, com todas as minhas forças e do fundo do meu coração, Aninha, és uma pessoa espectacular, tens um coração d’ouro, és muito, mas mesmo muito bonita, por dentro e por fora, a tua alma resplandece Amor, Amizade, Fraternidade, Carinho . . . !
Existem vários tipos de pessoas, e tu és daquelas que vieste para ficar, permiti que marcasses a ferro quente o teu nome no meu coração, não te quero nunca tirar daqui de dentro, abri a fechadura e deixei-te entrar, e pus a chave fora, e não a vou encontrar mais, porque me sinto bem, sinto-me bem, por te ter assim, pertinho do meu coração, ao meu lado, a sentir-te dentro de mim, amando-te da melhor forma que pode haver, sentindo uma enorme amizade por ti, e estando feliz, quando tu estás feliz!
A vida é só uma, tenciono aproveitá-la, estando com os meus amigos, ser verdadeiramente feliz ao lado deles, e de ti, porque num tão curto espaço de tempo, passaste a significar muito, mas mesmo muito para mim, considero-te uma amiga do fundo do meu coração, e quero continuar a ter-te assim.
As minhas palavras, ainda que ditas de forma simples, tem muito mais do que a simplicidade das letras, tem a sinceridade do meu coração, tem os meus sentimentos incorporados, em cada letra existe um carinho, um amor, uma felicidade impossíveis de descrever em palavras, mas digo-te em palavras porque sei que se gostares tanto de mim, como eu de ti, ficarão gravadas no coração, na mente, até sempre!!
Hoje deixo-te aqui um beijinho e um chi-coração enorme, quentinho e apertadinho e uma enorme vontade de estar contigo e apertar-te bem junto a mim e puder dizer-te do fundo do coração: Adoro-te muito Aninha do meu coração!

Um beijo enorme e um chi-coração, do tamanho do Mundo, dos Outros Planetas, da Galáxia, das outras, Galáxias, maior ainda que o Universo!

Deste sempre teu amigo,


Paulo Gomes 06.02.2008”




Pois… Amigo destes não se encontram todos os dias!! Eu que o diga… Mas as como tudo existem coisas más!!! Hoje recebi noticia dele, que vai a Alemanha passar uns dias mas não sabe se volta!! =(
To feliz porque é uma decisão que vai mudar a vida dele para melhor e porque ele precisava de uma coisa destas, mas estou triste porque vou ficar sem este AMIGO que me apoia, me aconselha, me ajuda!!!
AMIGO, espero que sejas muito feliz, mas por favor volta!!! Dá-me noticias!!! Eu sem os amigos não sou nada!!! Fico vazia!!! E tu entraste… És meu Amigo e não quero que saias!!! E a distancia apaga… Eu sei! Já passei por isso, falo por experiencia!!! Aiiiih! Desculpa!!!

Estou contigo para tudo!! Conta sempre comigo! Terás o meu apoio em todas as tuas decisões e avisar-te-ei quando achar que estás errado!!

Obrigada por tudo AMIGO!!

ADORO-TE!!! =)******



quinta-feira, Fevereiro 14, 2008

Fui ao fundo da questão!

Pensei que quisesse tempo para pensar... Sou Ciumenta, diz ele! E tem razão... Mas como posso deixar de o ser? Ultimamente até tenho sido menos do que o que era... Significa que estou a mudar... Hum... Interessante!
Eu disse-lhe que sim, que ia mudar, que ele já me tinha ajudado o suficiente... E ajudou! Veio ter comigo quer tivesse bom tempo, quer tivesse mau tempo! Veio ter comigo mesmo doente e à rasca da perna! Deixa os amigos para estar comigo!!! Que mais posso querer? Agora tenho que lhe retribuir... E é só uma coisa o que ele me está a pedir... MUDAR! Ser menos ciumenta... Que burra que sou! Tenho o HOMEM que quero e estou a desperdiçar tempo da minha vida com coisas insignificantes! Bem razão tem o rapaz quando diz que me ama... Faz tudo por mim e ainda suporta estas coisas!!!

DESCULPA!!! MIL DESCULPAS!

Sinto-me mal e disse-lho! Ele disse que não fazia mal... Fique mais feliz! Até porque tivemos uma grande conversa onde fiquei mesmo a perceber o quão burra tenho sido! EH EH!!!
Agora sim! Dizia eu há uns dias que estava disposta a mudar... SIM, hoje estou!

Estou confiante!!! Acho que a conversa me fez bem... Só tenho uma dúvida?
- Vou mudar... Mas como mudo? Estarei eu a mudar bem? Aih... Espero resultados positivos e rápidos... Ate porque sou feliz com ele! Só me falta isso mesmo!

ADORO-TE! =)*




sábado, Fevereiro 02, 2008

Decidi...

Decidi que ela me ia sorrir…

Decidi acordar…
Decidi lutar…
Decidi mudar…
Decidi amar…
Decidi crescer…
Decidi ser feliz…
Simplesmente DECIDI!

Hoje, sinto-me… BEM!
Olhei para a vida e disse: Tu vais-me sorrir!
Decidi acordar da pacata e rotineira vida que tinha para luta, para mudar, para TE AMAR!
Decidi crescer para ser FELIZ!
DECIDI!!!

DECIDI QUE ELA ME IA SORRIR!!!

Ela disse: Está na altura! =)

E hoje… SORRIU-ME!
E hoje… SOU FELIZ!
Hoje… SOU SEGURA!
Hoje… AMO-TE!
Hoje… ELA SORRIU-ME!


sábado, Janeiro 26, 2008

Altura certa... Afinal ele ajuda! =)

Hoje acordei com vontade de escrever… Contar as novidades…
Desde que fiz o CF (Convívio Fraterno), a vida tem-me corrido melhor! Ate lá, andava apagada, sem auto-estima, nada auto-confiante! Andava triste e a disfarçar essa tristeza com sorrisos que nunca me cansei de mostrar… Mas um dia, lembrei-me que podia mostrar um sorriso sincero! Foi quando decidi participar no CF. Fiz o 1030! Não senti grande mudança na minha vida, aliás quase nada mudou quando saí de lá… Conheci mais pessoas, fiz novos amigos e convivi com alguns conhecidos! Foi BOM!
O entanto, e como já disse, a mudança no dia não foi nenhuma e por isso fiquei triste! Pensei comigo… “Venho para aqui porque estou triste e preciso de pensar, de me encontrar e no entanto vai tudo parar ao mesmo sítio quando descubro que fiquei na mesma!” (E que burra que fui!!!!!!! Ele lá em cima já estava a fazer os planos…) Ate que… conheci uma pessoa que me “obrigou” a pensar… Conheci-o assim mal e combinamos por acaso uma saídita porreira. Fomos os dois passear… Começamos a conversar e ele fez-me recordar coisas, pensar em coisas que nunca tinha visto daquela forma, mas era a forma correcta de pensar… Ate que eu a uma certa altura a dizer-lhe uma coisa, isto é, a dizer-lhe o que pensava do que ele tinha dito, apercebi-me que o que eu dissera era mesmo o que pensava e o que eu tinha que pensar! Foi nessa altura que dei conta que o peso que queria tirar de cima de mim tinha acabado de sair… não acreditei na altura que o que mais precisava tinha acabado de suceder!!! Que sensação boa que senti e sinto. Fui conhecendo o menino… Ele é lindo, simpático, muito boa pessoa! Gosto da maneira dele pensar, gosto quando ele se ri para mim, gosto quando ele olha para mim com vontade de dar beijinho e não poder, gosto de olhar para ele sem ele notar, gosto de estar com ele, gosto da maneira que ele olha para mim! Sinto-me bem com ele! Ele faz-me sentir bem! É especial por isso!!! Bom, mas como a vida ensina, vamos com calma, nada de precipitações! Tomar decisões quando são necessárias, estarmos juntos quando é possível, falar quando é preciso, dar mimos quando queremos! É bom… É calmo e bem pensado o que estamos a fazer!
Não pensei que já estivesse preparada para uma relação, mas ele está a ajudar para isso acontecer e começo a sentir-me mesmo pronta. Agora é necessário levar as coisas, uma de cada vez, no tempo certo! E penso que esta tudo a ir com o tempo correcto, porque as coisas acontecem quando têm que acontecer!
Estou certa? =)*


sábado, Janeiro 19, 2008

Afinal eram dois...

Olhei para o relógio e eram quatro da manha. Já tinha acabado de estudar à cerca de quatro horas e não conseguia dormir. Decidi pegar no livro que andava a ler para lê-lo, pois dizem que ler deitada faz sono e talvez assim conseguisse adormecer.

No dia seguinte, que já era o dia, tinha que acordar cedo pois tinha aula de guitarra e não queria faltar. Estaria eu ansiosa? Nem sei… Nem sei nenhum motivo para tal. Tinha plena consciência que a meio do dia me ia doer a cabeça, mas o meu inconsciente queria que eu pensasse e portanto não o podia contrariar.

Tinha lido dez páginas, mas rapidamente me fartei de ler e parei. Finalmente cedi e fui pensar durante um tempinho. Pus-me a pensar na vida, no que tinha vivido de bom ate aquele dia, e no que tinha corrido mal. Enquanto ia pensando ia chegando à conclusão que no minha vida, não precisava de mais nada para ser feliz, no entanto sentia que necessitava de algo que me desse força para deixar e não pensar mais no tédio que era estar sozinha, sem namorado. Também necessitava de deitar fora o “peso” que tinha nas costas. Então fui… Fiz o Convívio Fraterno! Era o Convívio 1050. Fiquei mesmo feliz! Um dia conto a toda a gente a felicidade que senti! Por agora quero apenas recordar…

Até que, num momento de lucidez, me lembrei que era tia! Que boa noticia! Foi na altura que recordei da forma como recebi a notícia. Estávamos nos preparativos para o casamento da minha irmã… Ela andava a sentir-se enjoada, mas como estava próxima a data do grande dia ainda associámos à ansiedade… No entanto, um dia estávamos as duas a conversar quando surgiu a hipótese de estar grávida, contudo ela não queria acreditar. Foi então que disse ao meu cunhado para a incentivar a fazer o teste e ela acabou por fazê-lo. Ligou-me logo a seguir a dizer que o teste tinha dado positivo, que já tinha marcado consulta no médico e que ia confirmar.

Ia eu e a minha mãe para o Porto buscar o vestido de noiva da minha irmã e assim que lá chegamos qual não foi o meu espanto, quando a minha irmã conta à minha mãe que estava grávida! E eu muito contente dei-lhe os parabéns tal como a minha mãe, no entanto, logo de seguida mostra-nos a ecografia e mais espanto e felicidade da minha parte, porque eu sempre pensei que fosse apenas um, mas afinal eram dois! GÉMEOS! Quem bom! Foi com este pensamento que eu finalmente consegui ter sono!

Olhei para o relógio já eram 6da manha… Só tinha três horas para dormir, no entanto estava com tanto sono que não pensei em mais nada. Adormeci!

Quando acordei, dei conta que tinha sonhado com os meus sobrinhos e que o primeiro pensamento do dia eram eles!

Afinal são dois meninos bonitos, o meu sol, o meu Amor. Sempre que penso neles fico feliz e bem feliz! Como duas crianças podem trazer tanta felicidade? Não sei, sei que trazem! =)

Escrevi este texto na aula e apeteceu-me meter aqui. Eu sei que tenho andado mesmo desaparecida mas não tenho tido tempo para muita coisa. Prometo escrever mais!!! ; )

quinta-feira, Dezembro 06, 2007

Depois de andar desaparecida, voltei para contar a news...

Depois de andar desaparecida imenso tempo, voltei...

Ainda não me habituei ao ritmo da universidade, no entanto ando feliz, alegre e cheia de trabalho! Obviamente que nem tudo é bom... Agora ainda nos estamos a conhecer, mas já passaram 2 meses e já me desiludi algumas vezes!!! Mas há disto em todo o lado e temos que olhar para a frente e seguir!

Já tenho uma família! É muito engraçado, há muito tempo que não me sentia tão bem, num meio tão bom! Tenho 3 filhas, um pai, uma mãe, uma neta, muitos irmãos e irmãs, um marido (que tem amante Eheh), e sou muito feliz!!! Já conheci meio mundo, milhares de pessoas! Conheci uma pessoa muuuuuuuuuuito interessante!!! Mesmo... Mas nada de “passarinho verde”, ainda é cedo! Não nos conhecemos bem! No entanto ainda tenho um “projecto” (não me leves a mal por te chamar isto...) algures por Aveiro, cheio de trabalho e sem tempo para nada além do estudo!!! Aiiiiiih! Gostava de lhe mostrar o quanto estou diferente... Sim, porque o facto de ter vindo para longe, para um sitio onde não conhecia praticamente ninguém, ajudou-me em alguns aspectos!! Eh eh

E os sobrinhos???? Lindos, lindos, lindos!!! Adoro aqueles bebes!!! Que coisas que quase que os esgano só com a vontade de os abraçar! Dava-lhes uma trinca! =D

Ando feliz... Ando nas nuvens, apesar desta semana ter descido ao planeta terra, porque tive duas frequências e uma exposição oral. Uih! Custou imenso! Muita matéria, muito difícil, mas tudo se resolve! =) No fim, terei a recompensa deste esforço!

Estou feliz!!! Já tenho as amigas das “confissões”, dos “casacos de malha”, das brincadeiras, de tudo. Aquelas amigas “fixas”, apesar dos amigos que deixei em Aveiro serem aquele tipo de amigos que não se esquece, insubstituíveis e que tanto adoro!! Que saudades amigos do coração!!! QUE SAUDADES!!!

Ah!!! E o meu batismo??? Ahahah! Já sou oficialmente caloira!!! =D E tenho um padrinho muito porreiro que não me molhou muito!!!! Bigadaaaaa! Estava muito frio, foste um kido!

Bom, por hoje é tudo! Para a semana que vem, mais um ronda, a ronda do Natal e lá vamos nós ser praxados... Eh! =)

Beijinho cheio de saudades de escrever*