sábado, dezembro 17, 2005

FELIZ Natal para ti e para Todos...

As vezes ponho-me a pensar… Os meus catequistas estão para me ensinar o que é Deus, e como devemos agir, sempre para o bem, etc.… Não devemos falar mal de ninguém, devemos ajudar os pais, etc. Mas digam-me alguém é capaz de o fazer??? Ninguém! Ainda não vi ninguém sem falar mal, ajudar os pais… Principalmente nós jovens… Nós que devemos ser o exemplo de uma comunidade, nós que seremos o amanha… E mesmo pensando nisto, mão consigo ser capaz de agira tão perfeitamente dessa forma! Eu estou a melhorar… Quer dizer. Eu não digo mal de ninguém, ou melhor… Eu não digo mal das pessoas sem ver primeiro o que tenho mal, para elas não me apontarem o dedo, mas quando tenho a dizer alguma coisa, digo na frente tal… mas o meu problema mesmo… É o dizer. A pessoas pode ter errado sem querer e eu digo… Olha fizeste mal, ou seja, estou a repreender a pessoa, e se calhar o que ela necessita é de um louvor… Ela deve necessitar de algo confortante, algo de alegre, pois acabou de errar! Devemos ver o lado positivo do assunto, a pessoa errou, mas de certeza por saber que errou e por estar arrependido significa que aprendeu com o erro, pois uma pessoa quando dá conta que erra pode admitir, mas nunca se vai rebaixar ao ponto de pedir desculpa, ou de se arrepender, que é quase o mesmo. Mas isto somos nós enquanto não aprendemos, porque tenho a certeza que se tivéssemos um exemplo em casa, ou em qualquer lugar, aprenderíamos de certeza. Eu não fico contente quando erro, fico contente sim, quando chego ao fim de algo e digo… errei, mas aprendi! Isso sim, e é ao aprender que fico contente! Muito contente! Gosto de aprender, e quanto mais aprendo mais gosto de o fazer… o problema também é que é só nas coisas da vida que gosto de aprender, não é nas aulas… Mas lá está… Deus… Deus… Deus, ajuda-me… Deus, ensina-me… Deus, incentiva-me! Com Deus, eu aprendo… É pena que ninguém veja as coisas como eu! A opinião de todos muda um pouco! Ninguém vê as coisas da mesma maneira… E eu gostava de mostrar o que sinto, mas nunca ninguém me quer ouvir!!! O meu púlpito é sempre o mesmo! Os meus amigos, a minha família… Claro, com certeza que se tem que começar por baixo e não me importo nada que sejam os meus amigos as pessoas com quem eu partilho as coisas, e a minha família muito menos, mas esses sim, esses já me conhecem, mas fico muito contente quando dou uma parte de mim ao outros, por exemplo quando as pessoas esperam algo de mim, e depois eu sou outra coisa e consigo surpreender… E só há uma pessoa a quem consigo surpreender, uma pessoa que quase nunca estou com ela… Só ele! Claro que não é o namorado… Não é, não! Não vai adiantar estar a dizer quem ela é, mas digo-vos, tenho a certeza que gostariam de o conhecer. Ele é das pessoas de quem gosto mais, se tivesse que morrer e escolher quem seria a última pessoa a quem falar, a seguir aos meus pais e ao namorado era ele. E só o consigo surpreender a ele, porque quase nunca estou com ele, e porque ele gosta muito de mim e eu dele. Se ele por acaso lesse o que estou a escrever, de certo que iria gostar, iria adorar… Ficava muito contente, eu sei! É como eu! Também fico contente só de estar aqui a escrever que gosto dele! Mas nas famílias nunca estou todos juntos, há sempre alguém que fica longe! Mas eu gosto, porque assim tenho saudades dele e mato-as com todas as minhas forças… Bem, e a todos com este espírito natalício que aí vem, gostaria de deixar o meu espírito… Gostaria de avisar que estamos no natal, e pensem… Se não fosse Deus o que seria esta época do ano???? Nada, simplesmente, nada. Lembram-se que o Natal é partilhar os sentimentos, é partilhar a paz, etc. não é consumir… O Natal é a época do ano em que consumimos mais, e Deus não fica mais contente se damos uma prenda á pessoa mais triste e mais pobre, Deus fica contente se dermos o amor, a paz, a alegria, os nossos sentimentos á pessoa mais triste e dar-mos um pouco da grande quantidade de doces e de comida que nos fica em casa, á pessoa mais pobre! Eu sei como é!!! No Natal, fazemos muitos doces e muitas quantidades de comida e digam-me comem isso tudo??? Não, tenho a certeza que não. Mas não deitem fora! Há sempre uma família, ou mesmo uma pessoa sozinha que necessita mais do que os nossos caixotes do lixo! E em vez de estarem a tirar do lixo, que tirem das nossas mãos. Acreditem, é uma alegria pode fazer alguém feliz… Também ficamos muito felizes, sentimos aquela adrenalina… Acreditem… Só quem é faz é que sabe! Experimentem. Não quero dar sermão, porque tenho a certeza que vão ler e vão-se farta, porque me estou a repetir muito, mas é verdade! O que repito é mesmo para acentuar o que digo. Acreditem… Partilhem… De certeza que gostariam de receber se estivessem com dificuldades como o pobre! E fico por aqui! Acho que espírito natalício é bom demais para estarmos a dividi-lo só, connosco mesmos! Deus ficaria muito contente se déssemos um pouco da nossa felicidade aos outros, nós temos tanta para dar, vender e ficar com tanta quando aquela que demos e vendemos! Fica convosco! Eu vou fazê-lo. Cumprimentos e um grande FELIZ NATAL!!!

8 comentários:

Pdivulg disse...

A vida é feita de avanços e de recuos, a tua luta pela busca do bem é sinal da tua maturidade... Boas FestaS!!

Sonhador Acordado disse...

Olá!

Antes de mais nada:

**** FELIZ NATAL! ****

As grandes metas são difíceis de atingir. Ninguém disse que era fácil essa busca do bem. Mas, o importante é ter consciência disso e procurar ser um pouco melhor cada dia, com a ajuda de Deus.´
Não devemos dizer mal dos outros, mas isso não quer dizer que devemos calar-nos quando alguma coisa está mal. O importante é dizê-lo sempre com cuidado para que a pessoa possa reconhecer o erro, mas tentando que evitar que ela fique magoada, ou mal perante outros.
Sobretudo pensando o que será melhor para o outro, e para outros que estajam envolvidos, se o melhor for falar, que falemos, se for calar, que calemos.
Muitas vezes também tenho essa sensação de que "ninguém vê as coisas como eu". É preciso procurar o que cada um tem em comum connosco, e não dar tanta importância àquilo que é diferente. Até podemos aprender com isso. Agora, não digas que ninguém te quer ouvir, nós estamos aqui para isso, os teus leitores :-).
Concordo contigo, o Natal sem Deus não é nada. Cada vez os outros aspectos do Natal, a confusão, as compras, as correrias, me parecem mais vazios. Temos que continuar a dar esse testemunho.

Beijinhos

Samuel Rezende disse...

Feliz Natal e um ano novo repleto de bençãos de Deus.
Graça e paz.

Vítor Mácula disse...

Cara Thinky

Um óptimo natal, com comunhão e renascimento constante.

Abraço!

Teresinha White Snow disse...

tanta coisa que aqui disses.t!!!! bem por onde é que vou começar?!?!?
tens no meu blog o que é o natal... hihihi... mas acho que tu já sabes bem o que é ;) es uma rapariga mt sabichona :P as pessoas dizem dizem dizem e depois fazem sempre o contrario... apenas tenta tu nao fazeres isso e seres uma rapariga unica... já o és, mas se fores diferente dos outros ao teu redor ainda és mais unica. Os humanos gostam mt de criticar quando os outros erram, mas depois nao olham para os seus proprios erros :( creio que tu nao es assim. espero que saibas sempre derigir uma palavra simpatica para akele ao teu lado que erra!

e por ultimo bom natal, que nao seja um qualquer mas um especial.

bjus******

Confessionário disse...

Um ano de 2006 cheio de amor. É costume desejarmos muita saúde e paz. Mas que seria destas sem amor!?

Paula disse...

Não, não é possível por nós próprios sermos bons e não falharmos. É por isso que Jesus Cristo veio: morrer pelos nossos pecados, dar acesso ao Pai a todo o que crê nele e o aceita como salvador. Daí sermos salvos pela GRAÇA.

ZezinhoMota disse...

O Natal é e será sempre o "Natal", embora diferentes nas épocas!

O meu "Natal" de criança, foi de certeza, muito diferente do da Sofia, a minha filha...

E o do Tomás, de 2 aninhos e seu filho também será muito diferente...

O que para mim terá sempre muito valor, é o amor existente numa época de família...

Fica bem "Anita" e que em todas as circunstâncias da tua vida, haja o teu bonito sorriso a florescer.

Bjnhs

ZezinhoMota